terça-feira, 6 de setembro de 2011

PEPE Haiti



Vítimas de várias tragédias

Considerada a nação mais pobre da América Latina, o Haiti (9 milhões de habitantes) atualmente está longe de ter um futuro melhor, uma vez que quem poderia construí-lo não têm acesso à educação: as crianças. O país registra uma taxa de 50% de analfabetismo. É comum as famílias haitianas escolherem um dos filhos para investir em seus estudos.

O terremoto de 2010 contribuiu para agravar um outro problema: o número de órfãos, que antes mesmo da tragédia já era de 400 mil. A marginalização das crianças é sentida nas ruas da capital, Porto Príncipe, onde os meninos e meninas perambulam em busca de alimento.

É evidente a necessidade de uma ação estratégica que reverta o alto índice de crianças em situação de vulnerabilidade social no Haiti.

De onde vem o socorro

O PEPE Haiti está ligado ao Projeto Por Um Novo Haiti. O Programa levará às crianças a esperança de um futuro melhor através da educação, com esporte, lazer e um rigoroso programa de nutrição em que as crianças farão várias refeições diárias. Tudo isso num ambiente acolhedor onde o amor de Deus será compartilhado e os princípios cristãos transmitidos às crianças e suas famílias.

O PEPE vai possibilitar que os alunos ingressem no ensino fundamental com possibilidades sociais e educacionais necessárias ao desenvolvimento.

Objetivos do PEPE Haiti
  • Implantação de 25 unidades no prazo de cinco anos;
  • Preparação de lideres para assumirem a gestão do Programa dentro de 15 anos;
  • Tornar os PEPE's autossuficientes em 10 anos;
  • Capacitar instrutores haitianos nos próximos 5 anos;
  • Disseminar a filosofia de voluntariado nas igrejas haitianas.

Para que esses objetivos sejam alcançados será necessário um investimento ao longo dos próximos 5 anos.

Necessidades do PEPE Haiti
  • Mobiliário (mesas, cadeirinhas, armários) - R$ 30,00 por criança
  • Materiais didáticos e lúdicos para uma criança - R$ 25,00
  • Um missionário auxiliar de educação - R$ 163,00/mês
  • Alimentação mensal para uma criança - R$ 50,00
  • Um missionário-educador - R$ 245,00/mês
  • Uniformes - R$ 25,00 por criança

Nenhum comentário: