quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Congresso de evangelização e discipulado de surdos


Surdos em momento de adoração

Nos dias 18 e 19 de março, a Igreja Batista Filadélfia, em Porto Velho(RO), recebeu o Congresso de Evangelização e Discipulado de Surdos realizado por Missões Nacionais. Cerca de 10% dos quase 400.000 surdos da região Norte estão no estado de Rondônia. Somente na capital há mais de 10 mil surdos.

Diante deste quadro, a Igreja, por meio da líder do ministério com surdos, irmã Nájila Bandeira, solicitou a realização do congresso, visando capacitação para ex-pandir o ministério na região. Entre os 100 participantes, cerca de 70% eram surdos da cidade, de Cacoal e também uma caravana vinda de Ji-Paraná, organizada por Roseane Ribas de Souza, aluna do 3º Curso de Formação de Líderes para Ministério com Surdos, ministrado no Rio de Janeiro no início do ano. Além dos surdos, líderes e intérpretes, membros de igrejas que não têm ministério com surdos, mas que desejam iniciá-los, também compareceram ao congresso.

Missionária Marília, líder do Ministério com
Surdos da JMN
Durante o evento, o executivo da Convenção Batista de Rondônia, pastor Lourimar Vilarinho, em conversa com a coordenadora do Ministério com Surdos de Missões Nacionais, Marília Moraes Manhães, demonstrou o desejo de levar tanto o congresso como o projeto Alcance Surdos, no próximo ano, para Ji-Paraná, onde há mais de 9 mil surdos, segundo o Censo 2000.

Uma das oficinas do curso foi ministrada por um voluntário surdo, Luiz Dinarte, membro da PIB de Cuiabá (MT), fato que demonstrou, na prática, que os surdos podem ter uma participação mais efetiva na sociedade, inclusive nas igrejas, além de crescer espiritualmente.

Nájila concorda que a presença de Luiz e o testemunho do trabalho desenvolvido por missionários surdos de Missões Nacionais impactaram: “Os surdos se sentiram mais animados para assumir um compromisso mais sério com a obra de evangelização. Também para as igrejas, o congresso foi um pontapé inicial para arregaçar as mangas e desenvolver um trabalho sério”.

Em visita à Associação dos Surdos de Porto Velho, Marília ouviu da liderança da instituição o clamor por um maior envolvimento da igreja com a comunidade surda local, fato que demonstra que ainda há muitas oportunidades que precisam ser exploradas pelas igrejas, ampliando a evangelização da comunidade surda. “Precisamos impactar os surdos de Rondônia com o evangelho. Missões Nacionais está pronta para auxiliar as igrejas no fortalecimento e expansão do trabalho com surdos”.

Fonte: Jornal de Missões . Ano VIII | Nº 38| Março • Abril | 2011
Órgão Oficial das Juntas de Missões Mundiais e Nacionais da Convenção Batista Brasileira


Nenhum comentário: