segunda-feira, 22 de junho de 2009

Diga sim para missões!

Como perdemos tempo!
Quantas vezes dizemos: "Não tenho tempo!" O fato é que encontramos tempo para tudo o que queremos fazer, mas às vezes temos dificuldades em reservar um tempo para falar a outros do nosso melhor amigo: Jesus.
Você, que tem a boa notícia de que só Jesus Cristo salva, transmita-a em voz alta, para que muitos possam recebê-la.
Lembre-se de que "não podemos deixar de falar das coisas que temos visto e ouvido" (Atos 4:20).
Em diferentes lugares do país, os missionários de Missões Nacionais têm anunciado que precisamos dizer sim ao amigo Jesus Cristo. Você pode se juntar a eles por meio de suas orações e ofertas. Diga sim para missões!

Entre hansenianos
Em Marituba, no Pará, existe uma colônia de hansenianos. Recentemente, os missionários que trabalham ali construíram um tabernáculo, um local em que as pessoas se reúnem para prestar adoração ao Senhor Jesus.
Diga sim para missões entre os hansenianos.
.
Entre surdos
Outro projeto que se desenvolve cada dia mais é o projeto com surdos, que é coordenado pela missionária Marília Moraes Manhães. Esse projeto tem realizado congressos com surdos e preparado liderança junto às igrejas interessadas em desenvolver ministérios com surdos, além de oferecer cursos na Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), usada na comunicação dos surdos. Dessa maneira, muitos surdos têm compreendido o amor de Deus por eles.
Diga sim para missões entre surdos!

Entre marginalizados
A missionária Zandra Queila da Silva Queiroz trabalha com projeto Esperança na Praça, por meio do qual são atendidas pessoas marginalizadas e moradores de rua do Rio de Janeiro, dentre outras pessoas. Esse projeto tem sido canal para o amor de Deus ser derramado na vida de muitas pessoas.
Diga sim para missões entre marginalizados!
.
Na área educacional
Nessa área, temos os colégios de Tocantínia (TO), e o Instituto Batista de Carolina (MA), nos quais os missionários de Missões Nacionais estão falando de Jesus aos alunos e aos familiares. Todos nós podemos ler muitos livros e alcançar um elevado grau de conhecimento, mas "a intimidade do Senhor é para os que o temem" (Salmos 25:14). É por isso que os missionários que ali atuam se dedicam para que todas as crianças adquiram o conhecimento científico e conhecimento no Senhor Jesus.
Diga sim para missões na área educacional!
.
Entre marinheiros
Quando o Senhor Jesus nos envia para o seu serviço, ele abre as portas. Pode ser que tenhamos de dar um salto ousado para ir parar no lugar que ele determinar. E esse lugar pode ser até mesmo o Oceano Atlântico, ao lado do Pr. Jayder André de Oliveira, que atua em Capelania Portuária. Na cidade de Guarapari (ES), onde ele se encontra, os marinheiros recebem apoio e ouvem a Palavra de Deus.
Diga sim para missões entre marinheiros!

Em penitenciárias
Há também o ministério entre aquelas pessoas que ficam à margem da sociedade, que são discriminadas por terem cometido atos que são contrários à Lei.
Em Salvador (BA), temos o Projeto SOS Presídio, por meio do qual os presos e seus familiares recebem visitas dos missionários, que lhes apresentam a Palavra de Deus.
Diga sim para missões entre presidiários!

Em hospitais
Através da Capelania Hospitalar, muitas pessoas têm sido ganhas para Jesus. Em muitos casos, o capelão é a última pessoa com a qual o enfermo conversa antes de morrer. Outras, no entanto, se recuperam e, convertidas, passam a testemunhar de Jesus a outros.
Recentemente, veio visitar o nosso campo missionário de Itacajá (TO), um irmão em Cristo que conheceu Jesus num leito do Hospital do Andaraí, no Rio de Janeiro.
Não fazemos idéia de quantas pessoas já foram curadas de suas feridas físicas e espirituais por meio da capelania hospitalar. Portanto, vale a pena você dizer sim para missões em hospitais.

Nos Lares Batistas
Jesus sentiu compaixão pelas pessoas. A compaixão é um sentimento que leva à ação. É ela que nos leva a acolher crianças em nossos lares: o Lar Batista David Gomes (BA), o REAME (RJ), o Lar Batista Esperança (PR), o Lar Batista F.F. Soren (TO). Em decorrência do discipulado que é realizado com as crianças, elas recebem Jesus como Salvador e passam a ajudar os missionários na evangelização de outras pessoas.
Estávamos evangelizando um bairro bem pobre em companhia das crianças do Lar Batista F.F. Soren, quando uma das meninas do Lar me disse: "Tia, quero evangelizar todas as famílias deste bairro para que ninguém mais morra como o meu pai e a minha mãe, sem conhecer Jesus".

Nas frentes missionárias
Você também pode dizer sim para missões se orar pelas frentes missionárias e pelos Radicais, que trabalham na conservação dos resultados das Trans ou apóiam outros campos no desenvolvimento do Projeto Igreja Dez, um projeto que visa à plantação de igrejas fortes com visão de multiplicação.
.
Missões: uma obra movida pelo amor
A obra missionária é movida pelo amor, a começar pelo amor de Deus, que possibilitou a vinda de Jesus ao mundo para tornar o nosso Salvador. Os missionários, por sua vez, transmitem a mensagem do evangelho com muito amor. Os cristãos são pessoas que amam os perdidos com o amor que o próprio Deus coloca em seus corações.
Através dos tempos, movidos pelo amor, homens e mulheres viveram para pregar o evangelho. Alguns deles chegaram a morrer por essa causa. E sabe por quê? Porque não há sentimento que mais possa impulsionar o cristão a falar de Jesus do que amor de Deus no seu coração.
Por amor, Jesus Cristo, o Filho de Deus, morreu em nosso lugar. Esse seu tão grande amor por nós deve nos constranger a viver para Ele, oferecendo-nos para servi-Lo como seus servos (II Coríntios 5:14).

(Fonte: Revista Aventura Missionária - 3T06 - 2006)

Nenhum comentário: